BDMG bate recorde de desembolso em 2020, R$ 2,85 bilhões

Por: Leonardo Faria Lima – Economista ACMinas

Em 2020, o Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) desembolsou R$ 2,85 bilhões em recursos financeiros, crescimento de 118% ante 2019. O valor aferido é o recorde histórico da instituição. Para as micro e pequenas empresas (MPEs) foram direcionados R$ 906,2 milhões, alta de 343% em relação ao ano anterior. A quantia também renova o recorde da série histórica no âmbito do segmento.

Os clientes atendidos somaram 13.462, acréscimo de 165% e novo recorde histórico.

A Associação Comercial e Empresarial de Minas (ACMinas) contribuiu para a efetivação destes resultados por meio da rede de correspondente bancário do BDMG. O correspondente bancário da entidade desembolsou R$ 4,5 milhões para as MPEs em 2020, crescimento de 106,64% sobre 2019 e recorde da série histórica.

 

 

Os recursos financeiros liberados pelo BDMG foram relevantes para suprir as necessidades de capital de giro das empresas mineiras, especialmente, durante a vigência das medidas de isolamento social operacionalizadas para conter a pandemia do Covid-19.

A menor circulação de pessoas reduziu drasticamente o faturamento das empresas. Então, a atuação do BDMG garantiu a sobrevivência de muitos empreendimentos perante as incertezas geradas pela crise econômica do coronavírus.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Posts recentes

Siga a ACMinas

Assine nossa Newsletter

Receba nossa novidades em primeira mão por email.