Belo Horizonte amplia e inicia nova etapa da vacinação contra a Covid-19 nesta segunda-feira

Por: Flávia Cristini, TV Globo — Belo Horizonte

Uma nova etapa da vacinação contra a Covid-19 começa nesta segunda-feira (1º) em Belo Horizonte. A capital mineira recebeu na semana passada quase 60 mil novas doses do imunizante.

Desta vez, o grupo a ser vacinado foi ampliado porque Minas Gerais recebeu 40,5 mil doses produzidas pela Universidade de Oxford, em parceria com a farmacêutica Astrazeneca, e outras 16,8 mil da CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan, em parceria com a chinesa SinoVac.

Assim como na primeira remessa de vacinação, as doses são reservadas para os grupos prioritários. São eles:

  • 100% dos trabalhadores lotados nos 152 centros de saúde do município;
  • Moradores e profissionais (cuidadores, equipe de enfermagem, auxiliar de serviços gerais e quem realiza a manipulação dos alimentos) que atuam em todas as instituições de longa permanência para idosos (ilpis);
  • 100% dos trabalhadores lotados nos 16 centros de referência em saúde mental (adulto, álcool e outras drogas e infantil);
  • Moradores e profissionais (cuidadores, equipe de enfermagem, auxiliar de serviços gerais e quem realiza a manipulação dos alimentos) dos serviços de residência terapêutica (SRT);
  • Moradores acima de 18 anos e profissionais (cuidadores, equipe de enfermagem, auxiliar de serviços gerais e quem realiza a manipulação dos alimentos) das residências inclusivas (para pessoas com deficiência institucionalizadas).

Segundo a PBH, a vacinação será ao longo do dia. Nas ILPIs, CERSAMs, SRTs e Residências Inclusivas será realizada por equipes volantes, com profissionais contratados e treinados pela prefeitura. Os trabalhadores de Centros de Saúde serão imunizados nas próprias unidades de atuação.

De acordo com a orientação da Astrazeneca, que aponta maior eficácia da vacina com maior entre a primeira e a segunda doses, todas as vacinas serão aplicadas de uma vez.

Já as da CoronaVac, serão divididas em duas doses. As 8 mil pessoas vacinadas receberão a primeira dose a partir desta segunda-feira e a segunda em até 21 dias.

Em parceria com a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), empresas de transporte contribuirão para levar as vacinas para as instituições de longa permanência, centros de referência de saúde mental e residências inclusivas.

Vale ressaltar que mesmo com o início da imunização ainda é muito importante seguir todos os protocolos básicos de prevenção à Covid-19: uso de máscaras, distanciamento e higienização das mãos. 

G1 | 01 de fevereiro de 2021 

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Posts recentes

Siga a ACMinas

Assine nossa Newsletter

Receba nossa novidades em primeira mão por email.