Espanhóis vão investir R$ 385 mi em energia solar em Minas

Fonte: O Tempo

A espanhola Gas Natural Fenosa está investindo 95 milhões (em torno de R$ 385 milhões) em dois projetos fotovoltaicos em Minas Gerais. Eles estão sendo vendidos pela Canadian Solar, que tem negócios em Pirapora, Norte do Estado, e Guimarânia, região do Alto Paranaíba. Os projetos comprados terão capacidade de geração anual de 165 gigawatts por hora (GWh) e as operações estão previstas para começar no quarto trimestre deste ano, informou a companhia espanhola. Segundo agências internacionais, a transação está relacionada a um acordo de compra de energia de 20 anos. A Fenosa Gas Natural do Brasil confirmou a operação, mas não deu mais informações. Já a Canadian Solar foi procurada, mas não comentou.

A transação está sujeita a aprovação de órgãos reguladores. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou que ainda não foi notificada sobre o negócio, o que pode acontecer via Superintendência de Pesquisa e Desenvolvimento e Eficiência Energética (SPE).

Segundo o presidente executivo da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica, Rodrigo Sauaia, o caso da empresa espanhola mostra que companhias mais tradicionais do setor de energia estão investindo no setor fotovoltaico. “Estamos em um segundo momento do mercado de energia solar no Brasil. Primeiro, chegaram as empresas mais inovadoras e, agora, empresas tradicionais como a Fenosa Gas Natural investem, reforçando o papel da fonte fotovoltaica na economia do mundo e do Brasil”, afirma Sauaia. O dirigente lembra que a Fenosa é uma empresa ligada a combustíveis fósseis. “Essas empresas mais tradicionais estão migrando seus negócios para a energia renovável”, explica.

Assine nossa Newsletter

Receba nossa novidades em primeira mão por email.